Ainda a rádio na Guiné

Guiné-4x-750x334
Crédito: Conexão Lusófona / África Turismo

Ontem, ao regressar a Leiria, voltei a ouvir na TSF esta reportagem sobre a implantação da rádio na Guiné-Bissau, sobre a qual já tinha escrito brevemente aqui. E regressou o  mesmo sentimento de uma profunda humanidade, e da simplicidade que assume quando desprovida da noite que algumas vezes rodeia o seu progresso…voltei a emocionar-me com a “Mãe da Rádio”, que não sendo uma pessoa de posses, disponibilizou 1000 francos da sua pobreza a um jornalista para que comprasse canetas para continuar a escrever notícias…ou do jornalista que afirma que, estar preso pela sua luta em relação à liberdade de ser e fazer rádio, foi dos períodos “mais lindos” da sua vida, ao sentir o calor da população, e a união nessa luta.

África, com as suas histórias que atravessam espaço e tempo, continua-nos a ensinar caminhos e passos na caminhada, devolvendo-nos o sentido do existir, e de nessa existência viver também em espontaneidade e de partilha. E isso, faz-nos muita falta nos tempos que correm.

2 thoughts on “Ainda a rádio na Guiné

    1. É mesmo Susana 🙂 e África cada vez mais é um símbolo…em todas as vezes que lá vou, e já que falas em pão e ternura, trago sempre imensas lições sobre a partilha dos dois, por pessoas muito humildes, mas com um brilho no olhar (especialmente as crianças) que raras vezes vejo noutros locais.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.